As ilustras da Alessandra Genualdo

Alessandra Genualdo | ilustradora/pintora italiana

Alessandra Genualdo é uma ilustradora e pintora italiana talentosíssima, que mora e trabalha no leste de Londres com sua cachorrinha (linda) Kira. Adoro suas pinturas de mulheres, fortes e muito expressivas. 

∴ info ∴
Alessandra Genualdo websiteloja & instagram.

|

Papillon Feito à Mão

Papillon Feito à Mão | tricô e crochê contemporâneos

Como são lindas as peças da Papillon Feito à Mão! As irmãs Isis e Hadassa usam técnicas tradicionais, como bordado, tricô e crochê, para dar um gostinho de nostalgia para objetos de decoração contemporâneos. Um amor! ♥

∴ info ∴
Papillon Feito à Mão instagram & loja.

|

Os quatro últimos… livros

1. Pequenos incêndios por toda parte, por Celeste Ng – tradução de Julia Sobral Campos
416 páginas • título original: Little fires everywhere • Intrínseca

O encontro entre duas mulheres com personalidades diametralmente opostas: Elena Richardson, a matriarca de uma família acostumada a seguir regras e a planejar os seus dias na comunidade perfeita de Shaker Heights e Mia Warren, uma artista de espírito livre com um passado misterioso, sua nova inquilina. Com o passar do tempo, as duas famílias se tornam cada vez mais íntimas e as inegáveis diferenças entre elas começam a gerar ressentimentos e conflitos. Paralelamente, a batalha pela guarda de uma criança sino-americana em Shaker Heights coloca Mia e Elena em lados opostos, intensificando ainda mais suas divergências e rancores. O livro é um drama familiar sobre maternidade, classe e privilégios, muito bem construído (e escrito), que te prende do início ao fim. Incluído entre os melhores livros de 2017 por veículos como Entertainment Weekly, The GuardianThe Washington Post, parece que vai virar série em breve, com Reese Witherspoon e Kerry Washington. Tentem ler antes de assistir (é sempre melhor, vocês não acham?). 

Compre esse livro!

2. Nix, por Nathan Hill – tradução de José Francisco Botelho
672 páginas • título original: The Nix • Intrínseca

Um escritor e professor universitário fracassado, viciado em videogames e prestes a arcar com uma dívida gigantesca, que não pode pagar, Samuel Andresen-Anderson está realmente na pior. Para complicar ainda mais as coisas, ele descobre que a mãe, que o abandonou quando ele ainda era uma criança, está sendo acusada de um crime absurdo, que viralizou na internet e está dividindo o país. Para sua surpresa, Faye está sendo retratada pela mídia como uma ativista radical de passado sórdido, muito diferente da imagem de boa moça que ele sempre teve dela. O livro se divide entre a investigação de Samuel sobre a própria mãe, a história real de Faye Andresen-Anderson no epicentro do movimento hippie de 1968 e a infância de Samuel, pouco antes de ser abandonado por ela. Um romance MUITO ambicioso, inteligente e divertido, que brinca de forma inteligentíssima com os dramas e paradoxos da contemporaneidade, em especial com a histeria e a hipocrisia americanas. A narrativa ainda encontra espaço para personagens  e histórias complementares interessantes e relevantes; um verdadeiro nocaute (como bem definiu a Esquire). Gostei demais!

Compre esse livro!

Mini-resenhas dos livros: As Oito Montanhas e Uma Constelação de Fenômenos Vitais | Não Me Mande Flores

3. As Oito Montanhas, por Paolo Cognetti – tradução de Adriana Aikawa
256 páginas • título original: Le otto montagne • Intrínseca

Pietro é um jovem pouco sociável de Milão, que costuma passar os verões com os pais em Grana, um vilarejo isolado nos Alpes italianos. É lá que ele conhece Bruno, um menino da sua idade que parece personificar tudo o que o seu pai mais ama a respeito da vida campestre. Anos depois de abandonar suas temporadas de aventuras e explorações, já adulto, Pietro volta à montanha para resgatar uma herança deixada pelo pai e retoma o contato e a amizade de Bruno. O livro, ganhador de um dos prêmios mais importantes da Itália, o Prêmio Strega, parece não ter uma história muito robusta, mas é justamente na simplicidade da narrativa que ele ganha o leitor. Os temas abordados são muito delicados e, de certa forma, comoventes: a busca pelo autoconhecimento, o contraste entre a vida na cidade e a singeleza rural, o amadurecimento (e, com ele, a compreensão tardia de quem realmente foram os seus pais). Um livro surpreendentemente bonito, com o frescor e a leveza das paisagens alpinas.

Compre esse livro!

4. Uma Constelação de Fenômenos Vitais, por Anthony Marra – tradução de Fabiana de Carvalho
336 páginas • título original: A constellation of vital phenomena • Intrínseca

Uma menina escondida na floresta observa o pai ser levado no meio da noite por soldados russos, enquanto sua casa arde em chamas. A cena também é observada pelo vizinho de frente e amigo da família, que se encarrega de buscar refúgio para a criança num hospital abandonado, onde uma única médica permanece atendendo pacientes e buscando informações sobre a irmã desaparecida. Uma história complexa que se passa entre 1994 e 2004 na Chechênia, um período de grandes conflitos armados entre grupos rivais chechenos e o exército da Rússia (incluindo duas guerras e mais de 150 mil mortos). A narrativa é muito bem amarrada, com personagens cujas histórias de vida se entrelaçam de forma realista e inesperada ~  e é bacana observar como essas revelações vão sendo liberadas aos poucos, ao longo do desenrolar da história (sem aquele vício terrível da “reviravolta” e do “final surpreendente”). Mas, por algum motivo, eu não consegui me conectar muito com o universo criado pelo autor. Não me entendam mal, o livro é super bem escrito e a temática é sensível e tocante, mas achei tudo um pouco morno e acabei demorando tempo demais para ler (o que certamente diminuiu a minha experiência de leitura).

Compre esse livro!

O que vocês têm lido de bom ultimamente?
Confira outros títulos na Bibliolove – a biblioteca virtual do blog!

|

Burrow Pastry Shop | NYC

Burrow Pastry Shop | NYC

Toda vez que um turista entra em uma das confeitarias do Buddy Valastro, um filhotinho de urso panda morre. Por esse motivo (e para ter uma experiência de viagem mais interessante e menos pautada em celebridades da TV), da próxima vez que você viajar para NYC, visite a Burrow Pastry Shop, da gênia Ayako Kurokawa. Suas criações são baseadas em receitas francesas clássicas e desenvolvidas com influências japonesas e americanas. Coisa linda de ver. 

Burrow Pastry Shop 
68 Jay St. 119 Brooklyn NY 11201 (no lobby)
MAP

∴ info ∴
Burrow Pastry Shop website & instagram.
Fotos da Kimisa H., via BrunchWith.

|

Carry On Cocktail Kit

Carry On Cocktail Kit | W&P Design

Satisfaça o seu desejo por aquele drink esperto em qualquer lugar, a qualquer hora (até no meio de um vôo, porque não?) com os kits de cocktail Carry On, criados pela W&P Design. Lindo e divertido, o presente perfeito para aquele seu amigo/amiga viajante!

« Curtiu o cubo de gelo gigante do drink? A W&P também é responsável pela criação dessa forma de gelo extra-grande. Demais, né? »

∴ info ∴
W&P Design website & instagram.

|