Ada Tina Depore Mask

Ada Tina Depore Mask

A Depore é uma linha da Ada Tina voltada para o tratamento das peles oleosas e acneicas (o nome vem de “deporificante”, ou seja, a redução dos poros oleosos). Apesar de já ter usado muitos produtos da marca, ainda não conhecia a linha e tive a minha primeira experiência com a Depore Mask, máscara de limpeza para o rosto, cuja estrela é o GLICAOX.

GLICAOX é o resultado da união do Ácido Glicólico com o Zinco, um dos minerais com maior poder antioxidante. Isso quer dizer que ele protege a sua pele contra radicais livres e combate resíduos tóxicos, mantendo sua pele sempre limpinha e purificada.

Ada Tina Depore Mask | resultado

O objetivo da Depore Mask é o que marca chama de limpeza secativa, ou seja, eliminar as impurezas acumuladas e absorver a oleosidade excessiva, mantendo a pele limpa e seca por mais tempo. 

O bacana desse produto é que ele é multifuncional e pode ser usado de duas formas:

• Como um sabonete de limpeza profunda: aplicar e retirar o produto logo em seguida, como um sabonete líquido comum (no banho, por exemplo);
• Como uma máscara: aplicar uma camada fina do produto em todo o rosto (previamente limpo), esperar 15 minutos e enxaguar.

Ada Tina Depore Mask | Não Me Mande Flores

MINHA EXPERIÊNCIA

Eu tenho usado a Depore Mask somente na função máscara, uma vez por semana. A textura do produto é semelhante a uma argila branca e, depois de aproximadamente 5 minutos ele seca no rosto, apesar de continuar com uma aparência “molhada”. A fragrância é bem leve e agradável e o produto faz uma espuminha quando retirado com água. 

Logo depois de retirar a máscara, a sensação é de pele seca (mas não ressecada). Eu sinto até necessidade de aplicar um hidratante ou tônico hidratante logo em seguida, então acho que o produto vai agradar especialmente quem gosta dessa sensação de pele bem sequinha. O preço sugerido do produto é de R$189,00 (100 ml).

Vocês já experimentaram os produtos da Ada Tina?

∴ info ∴
Ada Tina website & instagram.

|

Everlane – The 100% Human Collection

The 100% Human Collection by Everlane | Não Me Mande FloresThe 100% Human Collection by Everlane | Não Me Mande FloresThe 100% Human Collection by Everlane | Não Me Mande Flores

The 100% Human Collection da Everlane ~ porque os direitos humanos são para todos. 

∴ info ∴
Everlane website & instagram.

|

Os quatro últimos… filmes

Os Quatro Últimos Filmes | Mini-resenhas dos filmes Um Belo Verão e Frantz

Um Belo Verão (La belle saison, dir. Catherine Corsini, 2015)

Uma história de amor nos anos 70 entre Carole, uma professora de espanhol e militante feminista em Paris, e Delphine, filha de fazendeiros em Limousin, região rural da França. O coquetel de feminismo, liberação e ativismo político funciona muito bem na cidade grande, mas a dinâmica do casal muda radicalmente quando Delphine precisa voltar para o interior, para cuidar da fazenda da família depois que o seu pai tem um derrame. O filme é assustadoramente atual no que diz respeito a não-aceitação e ao preconceito contra a homossexualidade ~ o que me faz pensar que, na verdade, ainda somos uma grande comunidade rural vivendo no passado. #atéquando? Veja o trailer.

Frantz (dir. François Ozon, 2016)

No pós-I Guerra uma jovem alemã conhece um misterioso francês que visita o túmulo do seu noivo, morto em combate. Ele se apresenta como um velho amigo, do tempo que o soldado estudou em Paris, mas, aos poucos, percebemos que essa não é toda a história. Filmado em francês e em alemão, com bela fotografia em preto & branco (usando cor em algumas poucas cenas), o filme é um retrato de uma sociedade sofrendo de um trauma pós-guerra, com um enredo cheio de reviravoltas interessantes e surpreendentes. Inspirado no filme Broken Lullaby, de 1932. Veja o trailer.

Os Quatro Últimos Filmes | Mini-resenhas dos filmes Insubstituível e A Garota Desconhecida

Insubstituível (Médecin de campagne, dir. Thomas Lilti, 2016)

Jean-Pierre é o médico de uma região rural na França, um profissional que todos amam e confiam. Quando descobre que está doente e que possivelmente precisará ser substituído, Jean-Pierre fica na dúvida se a novata doutora Nathalie vai dar conta do recado. Um filme cheio de sutilezas, que fala sobre a necessidade (e aponta a falta) de relacionamentos mais humanos e gentis entre médicos e pacientes. Não me surpreende que o diretor Thomas Lilti também seja médico (ele começou a fazer curta-metragens na mesma época que estudava medicina). O elenco principal ~ François Cluzet e Marianne Denicourt estão ótimos ~ e o excelente elenco de apoio ajudam a deixar o filme ainda mais bonito e realista. Veja o trailer.

A Garota Desconhecida (La fille inconnue, dir. Jean-Pierre Dardenne & Luc Dardenne, 2016)

Uma jovem médica fica obcecada em descobrir a identidade de uma mulher, que morreu após procurar abrigo em seu consultório (e ela ter recusado recebê-la depois do seu horário de trabalho). Como outros filmes da dupla, o filme é hiper-realista e permeado por questões de consciência social e política: imigração, desequilíbrio econômico, solidão e culpa. No final das contas, os personagens precisam enfrentar escolhas morais e decidir se assumem ou não a responsabilidade por seus atos. Destaque para Adèle Haenel, numa performance delicada e contida (já tinha gostado dela no simpático Les combattants, de 2014). Veja o trailer.

Qual o último filme incrível que você assistiu?
Deixe sua dica nos comentários. :)

|

The Land of Nod

The Land of Nod Playhouses | Não Me Mande Flores

Brincar de casinha é nível avançado com essas lindezas da The Land of Nod. Tem posto de gasolina, estábulo e até uma baleia gigante! Também curti o foguete e o planetário, muito lindos!

∴ info ∴
The Land of Nod website & instagram.

|

Le Palais Bulles

Le Palais Bulles | Arquitetura | Não Me Mande Flores

Le Palais Bulles, a mansão de bolhas projetada pelo arquiteto húngaro Antti Lovag no sul da França e adquirida por Pierre Cardin em 1992. Nos sonhos do arquiteto, tudo deveria ser redondo, macio e suave, ajudando corpos, ideias e sentimentos a fluir livremente.

∴ info ∴
Le PALAIS Bulles website.

|