Pernas bonitas e saudáveis: como tratar as varizes

Pernas bonitas e saudáveis: como tratar as varizes

Pernas bonitas e saudáveis podem ser um verdadeiro sonho de consumo, especialmente para quem sofre com as indesejáveis varizes. Mas os problemas causados por elas vão muito além do desconforto estético: as varizes podem causar inchaços, cansaço, peso (e até feridas) nas pernas.

Mas o que são exatamente as varizes?

Varizes são problemas circulatórios que aparecem quando as válvulas de uma veia param de funcionar corretamente, tornando-a dilatada. Essas veias tortuosas podem passar a doer, queimar ou ainda provocar sensação de cansaço na perna.

Se engana quem pensa que as varizes são problemas exclusivamente femininos. Os homens também sofrem desse mal e os sintomas das varizes masculinas são exatamente os mesmos que se manifestam nas mulheres. Grande parte dos portadores de varizes, cerca de 80% dos doentes, herda a condição dos seus pais.

Pernas bonitas e saudáveis: como tratar as varizes

Predisposições familiares e herança genética desempenham um papel importante, mas outros fatores de risco podem convergir em varizes, como obesidade, sedentarismo, uso continuado de hormônios (como os contraceptivos) e o hábito de passar muito tempo em pé ou sentado.

Felizmente hoje em dia temos múltiplas alternativas terapêuticas para o tratamento de varizes e cada uma delas é indicada após cuidadosa avaliação do quadro clínico do paciente. Alguns exemplos:

Escleroterapia com técnica CLaCS

A CLaCS é a sigla para o termo em inglês Cryo-Laser and Cryo-Sclerotherapy. Em português, o termo significa crio-laser e crio-escleroterapia e é a soma de três componentes fundamentais: a escleroterapia, o laser e o resfriamento. A técnica CLaCS permite o tratamento de alguns tipos de varizes, especialmente aquelas conhecidas como vasinhos. O uso de tecnologias avançadas como a realidade aumentada (Vein Viewer), ecografia doppler, resfriamento da pele, além do próprio laser, garante ao paciente tratamento com maior segurança e precisão.

Escleroterapia com Espuma

Procedimento não cirúrgico de combate às varizes e às microvarizes. O líquido esclerosante (polidocanol) é misturado ao ar através de duas seringas conectadas por uma torneirinha, formando uma espuma densa. Essa espuma é injetada em pequenas quantidades dentro da veia a ser tratada. O procedimento deve ser realizado com visualização ecográfica. Por se tratar de um método pouco invasivo e de rápida recuperação é uma excelente opção para o tratamento de varizes.

As varizes são problemas crônicos que, felizmente, podem ser tratados. Você pode aumentar as suas chances de evitar ou retardar o aparecimento das varizes tomando uma medida simples: mantendo ativa a sua circulação sanguínea. Caminhadas, pedaladas (e outras atividades aeróbicas que aumentam o ritmo cardíaco e fazem o sangue circular pelo corpo) e uma dieta rica em fibras são essenciais para uma vida saudável e para o bom funcionamento de nossas veias.

Qual é a sua experiência com esse problema?
Você ou algum membro da sua família sofre com varizes?

This entry was posted in beleza, publipost. Bookmark the permalink.

20 Comentários

  1. Não tenho varizes ainda, mas esses tratamentos parecem mesmo muito bons. Bom conhecê-los!

    Beijo.

  2. Não tenho varizes ainda. Adorei conhecer esses tratamentos, estava super por fora disso e tenho certeza q um dia vou precisar.
    bjs

  3. Aline Amorim disse:

    Eu tenho algumas varizes e quero muito fazer algum tratamento. Meu marido fez umas aplicações de espuma, mas ficou com a pele manchada, não gostei muito não.

  4. Ainda não tenho mas minha mãe tem varizes, adorei saber os procedimentos.
    big beijos

  5. Carol Daixum disse:

    Eu lembro muito quando era mais nova, minha mãe indo ao médico para tomar aquelas injeções fininhas para tratar. Eu tinha um medo hahaha. Mas hoje em dia, não vejo mais a minha mãe reclamando desse problema não. Ainda bem! ♥ Eu tenho algumas, que acho que são varizes. Mas por enquanto, não me incomodam. E acredito que seja por conta da genética e pela pílula também. Ah! E eu não sabia que dava em homens também. E bom saber que tem outros tratamentos agora. No futuro, acho que pode ser uma boa. :)

    Beijos, Carol

  6. Bem interessantes as informações sobre varizes.

    Beijos

  7. Kaila Garcia disse:

    Você simplesmente arrasou nas dicas. Minha família tem muito problema com varizes, então suas dicas vão me ajudar muito futuramente caso eu também tenha! <3

  8. Claudia Hi disse:

    Tenho algumas mas percebo que quanto mais uso calça apertada, mais elas aparecem :(

  9. Priih disse:

    Oi Camila, tudo bem?
    Não sofro do problema mas minha mãe sim, e a autoestima dela melhorou muito tratando. Que bom saber que existem métodos eficazes contra isso!
    Beijos,

    Priih

  10. Eu bem que precisava tratar uma que aqui tenho. Óptimo post! :)

  11. Amei saber, minha vó sofre muito de varizes. ♡

  12. Váh disse:

    Eu tenho medo de ter varizes, porque minha mãe tem e eu já tive muitas dores nas pernas.
    Volte e meia eu tomo dois remédios como prevenção.
    Queria parar de usar anticoncepcional também, mas nenhum outro método que eu conheço me agrada… É complicado.
    Post bem interessante :)

  13. Emerson disse:

    Um post didático e necessário.

    Bom fim de semana!

    Até mais, Emerson Garcia

  14. Que interessante, tenho algumas e muita vontade de tratar, esse post me ajudou bastante a ver o que posso fazer de melhor e ter pernas mais saudáveis

    Beijos

  15. Amei o post. Acho que se manter sempre ativa, não ajuda somente as pernas como o corpo todo.
    Vou prestar mais atenção nessa questão em mim
    beijos

  16. Renata Gomes disse:

    Adorei o post.
    Não tenho varizes, mas acho que é só questão de tempo já que tenho vários vasinhos pelas pernas :(

    Beijinhos

  17. vanessa disse:

    É muito importante fazer esse tratamento, cada varize tem um grau, minha mãe teve que fazer uma cirurgia há alguns anos atrás e depois ficou só tratando.
    Beijos.

  18. Maria Emilia disse:

    Boa noite Camila.
    Eu não tenho varizes, sua postagem é informativa, importante para quem tem esse problema.
    Um bom fim de semana!

  19. Isabel Sá disse:

    Estou a precisar de um tratamento!

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *