Os quatro últimos… filmes

Mini-resenhas dos filmes: Três Anúncios Para um Crime e O Que Te Faz Mais Forte | Não Me Mande Flores

Três Anúncios Para um Crime (Three Billboards Outside Ebbing, Missouri, dir. Martin McDonagh, 2017)

Uma mãe, inconformada com o assassinato não solucionado da filha, desafia as autoridades locais a resolver o crime, alugando três outdoors na estrada em que ele aconteceu. A atitude repercute por toda a cidade, afetando as vidas dos moradores, em especial a do Delegado Willoughby, responsável pela investigação, e a do Oficial Dixon, um policial imaturo com uma inclinação para a violência. Um roteiro inteligente, cheio de comentários sociais relevantes, que equilibra bem o lado dramático com o humor ácido (e absolutamente orgânico, o que é raro). Os personagens são igualmente bem desenvolvidos e as performances incríveis. Sam Rockwell está sensacional como Dixon, um policial falho e um ser-humano bem equivocado, mas o filme é mesmo da Frances McDormand. Dois Oscars merecidíssimos. Veja o trailer.

O Que Te Faz Mais Forte (Stronger, dir. David Gordon Green, 2017)

História real de Jeff Bauman, um homem comum atingido durante o atentado à maratona de Boston em 2013, enquanto esperava a (ex) namorada na linha de chegada. Essa premissa – a tragédia e a reabilitação de um jovem inocente que perdeu as duas pernas num ataque – é um convite para um dramalhão. Mas, até a metade do filme, o roteiro segurou BEM as MUITAS possibilidades do filme se tornar um melodrama completo. Até porque, ainda existia um questionamento por parte do “personagem”, que não aceitava o papel de herói americano imposto a ele pela família e pelo resto do país. Infelizmente, o filme se perde para mim justamente quando o patriotismo americano assume o controle e a história vira uma espécie de propaganda da “Guerra ao Terror”. Não consigo nem imaginar o que seria desse filme sem o Jake Gyllenhaal (excelente como sempre, mas nem ele consegue segurar os inacreditáveis últimos 10 minutos do filme). Veja o trailer.

Mini-resenhas dos filmes: O Insulto e A Forma da Água | Não Me Mande Flores

O Insulto (L’insulte, dir. Ziad Doueiri, 2017)

Em Beirute, um insulto explosivo (seguido de uma agressão) leva Toni, um cristão libanês, e Yasser, um refugiado palestino, para o tribunal. O que começa como um incidente banal, em pouco tempo evolui para um confronto de maiores proporções, entre duas personalidades incontestavelmente teimosas ~ e que representam dois lados de um conflito histórico e político que, há tempos, ameaça desestabilizar toda a nação. Inspirado numa situação real, em que o próprio diretor insultou um encanador em uma discussão, o filme expõe preconceitos (e segredos) que, justificados ou não, acabam tendo consequências doloridas para ambas as partes. De um lado: Adel Karam inesquecível, numa atuação explosiva e furiosa; do outro, seu antagonista, Kamel El Basha, numa performance contida, mas não menos impactante, que lhe rendeu o prêmio de Melhor Ator no Festival de Veneza de 2017. O filme foi o representante do Líbano no Oscar desse ano, indicado a Melhor Filme Estrangeiro. Assistam! Veja o trailer.

A Forma da Água (The Shape of Water, dir. Guillermo del Toro, 2017)

Elisa é uma zeladora muda que trabalha num laboratório de pesquisa misterioso, onde um homem anfíbio está sendo mantido em cativeiro. Apaixonada, ela elabora um plano para ajudá-lo a escapar. A premissa não é particularmente original (a criatura, inclusive, foi inspirada no filme O Monstro da Lagoa Negra, de 1954), mas, em se tratando de Guillermo del Toro, a gente espera, no mínimo, um universo mágico, belo e imprevisível, como no ótimo O Labirinto do Fauno. Infelizmente esse não foi o caso. O filme é visualmente bonito (e a reconstituição dos EUA em plena Guerra Fria está impecável), mas o romance-conto-de-fadas-fantástico é altamente previsível. O final chegou a me incomodar, de tão sem-graça e presumível. Acho que eu esperava ser surpreendida por um roteiro mais fora da caixinha. Os personagens secundários (a amiga e o vizinho, particularmente) são divertidos e, ao mesmo tempo, representam bem o clima de intolerância e de luta das minorias pela igualdade de direitos na época. E, bem, de qualquer forma, é sempre bom ser lembrado sobre a universalidade do amor, certo? ;) Veja o trailer.

Qual foi o último filme incrível que você assistiu?
Deixe a sua dica nos comentários. :)

This entry was posted in cinema. Bookmark the permalink.

48 Comentários

  1. assisti 3 anúncios, achei paradão e cansativo. E a forma da água tbm vi, é interessante mais não me prendeu kkkk..
    Curti demais essa indicação: o que te faz mais forte. Vou assistir.
    bj

  2. Ainda não vi nenhum dos 3, acredita ?

    Estão na minha lista ;)

    Beijo !

  3. Kaila Garcia disse:

    Gosto bastante dos filmes que você escolhe e indica, ainda não conhecia esses 4!

  4. Lulu disse:

    Adorei as indicações de filmes. O meu último foi The post.

  5. Camila, ainda não assisti a nenhum desses, mas estão na lista! O Insulto parece incrível!

    Beijo!

  6. Ainda não vi nenhum, mas pretendo ver todos! :)

  7. Gostei desses filmes ainda não vi nenhum mas fiquei com vontade. Ótimas dicas.
    Beijos

  8. Gih disse:

    Tá geral falando de A Forma da água, mesmo antes do Oscar eu vi muitas resenhas sobre o filme e quero ver logo
    kisses

  9. Kaka Farias disse:

    Três anúncios para um crime é fabuloso, mexe muito com a gente né? Todo o sofrimento daquela mãe, que é determinada e ousada. Demais. Não tinha lido absolutamente nada sobre A Forma da água até então, e pode até soar rude, mas só o fato de ser tão previsível, talvez já merecesse ter perdido pra Três anúncios para um crime e não o contrário, né? Fiquei pensando nisso… Beijosss

  10. Mayara Vieira disse:

    Ainda não assisti nenhum desses, e nem conhecia. Mas fiquei com vontade! Bjs

  11. Liduh disse:

    Ótimas dicas, Camila. Estou louca pra assistir “A forma da água”;)
    Bjs!

  12. Miguel disse:

    Obrigado, minha querida :) espero mesmo ter ajudado!

    O Stronger parece ser mega interessante!

  13. Katarina disse:

    Também esperava muuuito mais de A Forma da Água, tinha muitos preferidos antes dele pra Melhor Filme, mas era uma aposta já perdida. :/ Três Anúncios para um Crime é demais! Cru, incômodo e lindo. Eu amo tudo que Jake Gyllenhaal faz, mas esse to relutante pra ver, haha.

  14. Claudia Hi disse:

    Quero muito assistir Três Anúncios Para um Crime por causa do Sam Rockwell, acho ele um ator muito carismático. E queria assistir A Forma da Água porque pela sinopse parecia ser interessante. Pena que você não curtiu muito Ca…

  15. Felipe Lange disse:

    Dos citados, já vi A Forma da Água e Três Anúncios… muito bons, inclusive tem resenha deles lá no blog!!

  16. Assisti o 1 e o 4. Gostaria muito que o 1 ganhasse o Oscar de Melhor Filme, o que não aconteceu. Você disse tudo o que penso de “A forma da água”! Esse não é um filme incrível, como muitos dizem, não.

    Até mais, Emerson Garcia

  17. Renata C. disse:

    Assisti A forma da água e também não curti!
    Ainda não acredito que ganhou o Oscar de melhor filme!
    Guilhermo é muito talentoso, mas esse roteiro não merecia.

    Um beijooo
    Re

  18. Váh disse:

    Eu assisti Três Anúncios Para um Crime no cinema e adoreeei! Filme muito bom mesmo, saí de lá pensando “nossa realmente valeu a pena vir assistir”.
    A Forma da Água é um filme que está na minha lista pra assistir, ainda não deu, mas tô curiosa demais!!

  19. Eu vi esse Três Anúncios Para um Crime e gostei bastante! Já os outros eu ainda não assisti. Quero muito assistir A Forma da Água, ainda mais de tanto enaltecimento no Oscar, haha!

  20. Ai que show, quero muito assistir!

    Beijo
    ;)

  21. Andrea disse:

    Ainda quero muito assistir A forma da Água! Labirinto do Fauno é um dos meus filmes favoritos e, se o diretor conseguiu seguir a mesma linha, não tem como decepcionar :)

  22. Adorei o three billboards outside of ebbing, missouri! x

  23. Quero muito assistir Três Anúncios Para Um Crime, curti bastante a sinopse e, pelo que tu disse, é bom mesmo! O Que Te Faz Mais Forte e O Insulto eu ainda não conhecia, mas que pena que o primeiro não seja muito bom! E A Forma D’Água eu tenho uma certa curiosidade porque todo mundo tá falando desse filme, mas pra ser bem sincera, a história não me chama muita atenção também. Ah, e o último filme incrível que eu assisti foi Extraordinário <3

  24. Nana disse:

    Oi Camila,
    Eu adorei o Jake em Stronger, merecia bem mais que o Franco ser lembrando durante a temporada de premiações.

    bjs
    Nana

  25. Luana disse:

    não vi nenhum desses! mas vou anotar pra tentar ver assim que tiver um tempinho! :p

    xoxo

  26. Não fazem meu estilo, mas 3 anúncios me deixou curiosa.

    Beijos/Kisses.

  27. Viviane disse:

    Parecem ser ótimos filmes. Fiquei com uma certa vontade de assistir “A forma da água”.

  28. Amei os filmes, todos estão na minha lista pra ver rs
    O último filme que vi foi “tudo o que quero” com a Dakota
    Beijos

  29. clara rocha disse:

    MEU DEUS, três anúncios para um crime. E frances, o que dizer de frances, o filme é todo pra ela brilhar na atuação. Que mulher! E o discurso dela no Oscar, foi demais. ♥ Amei muito.
    Não assisti nenhum outro e também não sei se quero assistir shape of water porque todo mundo que eu conheço fala para não assistir.
    Ai eu também me incomodo muito quando as pessoas colocam esse patriotismo americano nos filmes. Me dá preguiça.

  30. Eu confesso que não vejo cinema estou completamente por fora. Só sei que o último ganhou o óscar de melhor filme.
    Xoxo from Portugal

  31. Marta Moura disse:

    Adorei o ‘Três cartazes à beira da estrada’ (título português). Continuo sem perceber como é que o ‘Shape of Water’ ganhou o Oscar de melhor filme. É tão cliché.

  32. Simone disse:

    Preciso ver todos os 4, ambos tem alguma coisa que me chama atenção. Amei as indicações.

  33. Renata Benetti disse:

    Oi Camila,
    Eu adorei Três anúncios… fui sem muitas expectativas e gostei bastante – ao contrário da Forma da água que estava ansiosa pra ver e achei um filme “ok”… uma fotografia bonita, mas como disse bem previsível.
    Bjs,

  34. Lu Dantas disse:

    Oi! Acredita que ainda não consegui ver nenhum dos três? Quero muito ver “Três anúncios para um crime”! Um filme que vi no mês passado e gostei muito foi “Estrelas além do tempo”

    beijos!!

  35. Thayse disse:

    Eu amei tanto A Forma da Água, pra mim é muito mais que uma história de amor, sabe? Eu não sei, eu enxergo ele mais como a relação das nossas vidas, nosso cotidiano, quem somos como pessoa, as escolhas que fazemos, as palavras ou gestos que usamos. Pra mim é mais um filme sobre humanidade, sobre bondade e gentileza, sobre as nossas decisões. E claro, já quero MUITO ver os outros três que tu indicou, eu adoro o Sam Rockwell e quero ver esse primeiro <3

    Beijos

  36. Karupin disse:

    Hoe, Camila! Tudo bem? :)

    Ah, da sua seleção, apenas assisti a “A Forma da Água”. De fato, eu também estava esperando por um mundo mágico ou, ao menos, algo mais fascinante envolvendo a criatura a que somos apresentados. Embora tenha entendido as sacadas sobre comparar a protagonista com a criatura ou então os aspectos sociais da época, acho que o filme se perdeu no embalo da metade pra frente. Parece que o arcabouço preparado cuidadosamente, no final, não fez tanto sentido – todo climão de Guerra Fria à flor da pele, desigualdades racial e de gênero – e não senti a tensão sexual surgir direito entre a moça e a criatura. Enfim, estou meio confusa sobre se merecia mesmo a estatueta de Melhor Filme, haha!

    Estou ansiosa para assistir a “Três Anúncios para um Crime”; esta noite, no entanto, pretendo assistir a “Lady Bird”. :)

    Beijos, flor~

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *