Cadiveu Plástica de Argila

Ilya Kuvshinov - Scissors

Eu sempre ouvi falar que a Argila Branca possui propriedades benéficas para os cabelos, por ter em sua composição elementos muito eficientes para a nutrição dos fios. Popularmente o tratamento capilar feito com máscara de argila branca é conhecido como “Plástica Capilar”, que é justamente o nome de uma linha da Cadiveu que eu acabei de experimentar: Plástica de Argila.

De acordo com a marca, a Plástica de Argila é um tratamento com poder máximo de reconstrução, ideal para cabelos que sofrem com lentidão no crescimento, raiz oleosa, fibra capilar danificada e pontas secas.

Cadiveu Plástica de Argila | Não Me Mande Flores

A primeira surpresa que eu tive com a linha foi que nenhum dos produtos tem textura de argila (!). O shampoo é um gel transparente, a máscara tem uma textura bem cremosa (similar aos cremes de outras linhas da Cadiveu) e o finalizador é um líquido mais concentrado, mas que não chega a ter textura oleosa. Outra coisa que todos os produtos tem em comum: uma fragrância maravilhosa! 

Os principais ingredientes ativos da linha são ácido hialurônico, argila branca da Amazônia e queratina. Eles ajudam no crescimento do cabelo e fortalecem o bulbo capilar, prevenindo a oleosidade e formando um filme protetor nos fios. O resultado é bem visível e imediato: nos dias que eu uso o trio (uso uma vez por semana) sinto o meu cabelo mais macio e hidratado. Uma delícia!

Cadiveu Plástica de Argila | Kit Manutenção

Cadiveu Plástica de Argila – Kit Manutenção

Shampoo Revitalizante (1) – 250 ml
Nutre e fortifica a fibra capilar. Age na hidratação do couro cabeludo, tornando-o mais saudável. 

Máscara de Argila (2) – 200 ml
Rejuvenesce os cabelos, promovendo nutrição máxima. Reconstrói a fibra capilar, tornando os fios intensamente brilhantes e vitalizados.

Fluido Finalizador (3) – 115 ml
Restaura e sela as cutículas, formando uma película protetora que deixa a superfície da fibra capilar lisa e uniforme.

O preço médio do Kit Manutenção Plástica de Argila fica em torno de R$115,00 e, se você se interessou, o trio está disponível na Ilha da Beleza (com uma promoção ótima, by the way).

 

∴ info ∴
A ilustração do começo do post é do incrível Ilya Kuvshinov.

|

#baonanas

#baonanas | Banana Pudding in Jersey City, New Jersey | Rebranding by Super Magic Friend

A Super Magic Friend, estúdio de design mexicano, foi a responsável pelo rebranding da #baonanas, empresa-gracinha especializada em banana pudding, com sede em Jersey City, New Jersey. O docinho tem cara de ser gostoso demais ~ se eu tivesse indo praquelas bandas, certamente ia pesquisar por onde anda a food-bike deles!

∴ info ∴
Super Magic Friend behance & instagram
#baonanas website & instagram.

|

Os quatro últimos… livros

Mini-resenhas dos livros: As Intermitências da Morte e Os Livros da Selva | Não Me Mande Flores

1. As Intermitências da Morte, por José Saramago
Companhia das Letras

Imagine a situação: de repente, num país fabuloso, a morte decide suspender as suas atividades. E o que parecia ser um feito incrível, começa a se provar um desafio logo nos primeiros dias: idosos e doentes agonizam em seus leitos, hospitais e asilos enfrentam superlotação crônica, as companhias de seguros entram em crise. Saramago usa a morte para falar sobre a vida e sobre a condição humana, com o humor e a sagacidade que lhe são caracteríscos. Gosto especialmente do trecho em que ele descreve a maneira da morte escrever, tão semelhante à sua própria: “(…) da sintaxe caótica, da ausência de pontos finais, do não uso de parêntesis absolutamente necessários, da eliminação obsessiva dos parágrafos, da virgulação aos saltinhos e, pecado sem perdão, da intencional e quase diabólica abolição da letra maiúscula“. Genial! 

 ∵ Americanas | Livraria CulturaSaraivaSubmarino ∵

2. Os Livros da Selva – Mowgli e outras histórias, por Rudyard Kipling – tradução de Julia Romeu
título original: The Jungle Books • Penguin-Companhia

O livro é um clássico, cuja história central a maioria de nós está mais ou menos familiarizada (graças ao filme da Disney de 1967): Mowgli é um menino achado na selva e criado por lobos, que vive uma infância cheia de aventuras, perigos e descobertas. Eu diria que o tema central do livro é a busca de Mowgli pela sua verdadeira identidade e pelo seu lugar no mundo ~ que é a busca de todo adolescente no final das contas. Essa edição conta com uma introdução incrível da Kaori Nagai, autora e professora, especialista no trabalho do Kipling, que nos ajuda a entender as histórias também como um reflexo das ideologias imperialistas do autor. De maneira bem resumida, a selva seria um espaço de amizade e hospitalidade na qual diferentes nações e raças convivem em harmonia (os súditos leais da colônia), sob a autoridade maior do homem branco, Mowgli (o governante imperial). Essa fantasia colonial acabou me tirando um tiquinho do prazer na leitura e me fez pensar que eu teria curtido mais as histórias se eu tivesse lido ainda criança, quando eu ainda tinha um restinho de inocência e fé na humanidade.

 ∵ Americanas | Livraria CulturaSaraivaSubmarino ∵

Mini-resenhas dos livros: As Irmãs Romanov e Como Curar um Fanático | Não Me Mande Flores

3. As Irmãs Romanov, por Helen Rappaport – tradução de Cássio de Arantes Leite
título original: Four Sisters • Objetiva

Uma reconstrução da vida da última família imperial russa, com ênfase na rotina das quatro jovens princesas: Olga, Tatiana, Maria e Anastácia. A proposta do livro é oferecer um raro olhar sobre a vida familiar das filhas do último tsar, suas personalidades, seus sonhos, suas inseguranças… Não se trata portanto de uma análise opinativa sobre a omissão do Regime Imperial com relação a população russa; ou sobre a subsequente Revolução Bolchevique ~ apesar desse ser o pano de fundo de toda a narrativa. Impossível não sentir empatia pelas adoráveis e (pasmem!) modestas princesinhas, especialmente quando já se sabe de antemão o seu destino trágico. Se você curte esse tipo de leitura histórica e tem interesse por esse período, também recomendo demais Os Três Imperadores, que já resenhei por aqui.

∵ Americanas | Livraria CulturaSaraivaSubmarino ∵

4. Como Curar um Fanático, por Amós Oz – tradução de Paulo Geiger
título original: How to Cure a Fanatic • Companhia das Letras

Amós Oz talvez seja o mais importante escritor israelense da atualidade ~ e um nome constante nas listas de possíveis candidatos ao Nobel. Esse livro (curtinho, com 104 páginas) reúne textos breves e poderosos sobre a natureza do extremismo e propõe uma aproximação respeitosa e pacífica para solucionar o conflito entre Israel e Palestina, tema central de sua obra como um todo. Interessantíssimo o argumento de Oz, que define o conflito não como uma guerra entre religiões e tradições, mas acima de tudo como uma disputa por território, só possível de ser solucionada com um doloroso compromisso de ambas as partes. Leitura obrigatória!

∵ Americanas | Livraria CulturaSaraivaSubmarino ∵

E vocês, o que andam lendo?
Confira outros títulos na Bibliolove – a biblioteca virtual do blog!

|

garrafa de água bkr

bkr water bottle | fall winter 2015bkr water bottle | fall winter 2015bkr water bottle | fall winter 2015bkr water bottle | fall winter 2015bkr water bottle | fall winter 2015

Acho que eu nunca vi uma campanha de garrafas de água tão caprichada quanto essa da bkr. E no site da marca tem outras opções lindas, uma tentação!

∴ info ∴
bkr website & instagram.

|

Girl Crush: Felicitas Barresi

Felicitas Barresi fotografada por Mora Dorrego para a C-Heads Magazine Felicitas Barresi fotografada por Mora Dorrego para a C-Heads Magazine Felicitas Barresi fotografada por Mora Dorrego para a C-Heads Magazine Felicitas Barresi fotografada por Mora Dorrego para a C-Heads Magazine Felicitas Barresi fotografada por Mora Dorrego para a C-Heads Magazine Felicitas Barresi fotografada por Mora Dorrego para a C-Heads Magazine

Difícil não se apaixonar pela Felicitas Barresi, a.k.a. Fresi Power, depois de ver essas fotos incríveis tiradas pela Mora Dorrego para a C-Heads Magazine🔥 🔥 🔥

Styling by Pili Macridachis • Makeup & Hair by Eneritz Rojas

∴ info ∴
Felicitas Barresi instagram & tumblr.
Mora Dorrego website & instagram.
via C-Heads Magazine.

|